Castelão terá pausa em jogos para manutenção de gramado

A Arena Castelão recebeu, nesta segunda-feira (30), Fortaleza x Cuiabá, pela Série A do Campeonato Brasileiro. Agora, o equipamento terá uma pausa de realização de jogos de 12 dias. O próximo confronto será Fortaleza x Atlético/MG, no domingo, dia 12 de setembro, também pela Série A.

“Esse intervalo nos deixa com um prazo de recuperação da grama bem maior. A grama já está melhor com o intervalo de 48h entre as partidas e, com o intervalo dos jogos, vem a melhorar ainda mais”, ressaltou o secretário do Esporte e Juventude, Rogério Pinheiro.

Neste intervalo dos jogos será realizada a sequência dos trabalhos no gramado, para manter a boa coloração e a densidade. Serão feitos o corte vertical, além de cortes helicoidais mais baixos, descompactação, adubação granulada para nutrição e descanso do gramado. No final, o gramado irá passar por uma pulverização foliar.

Com a última partida, a Arena Castelão completou 60 jogos realizados em 2021, com previsão de sediar pelo menos mais 21 da Série A 2021, mais 1 jogo da Copa do Brasil, podendo aumentar o número de partidas, de acordo com o avanço do Fortaleza na competição. O segundo estádio com mais jogos em 2021 é o Maracanã, no Rio de Janeiro, com 45. Em terceiro, está o Mineirão, em Belo Horizonte, com 43.

Romeirão
Uma das soluções para os frequentes desgastes do Castelão em razão da quantidade excessivas de partidas no local será a Arena Romeirão, que está com obras em andamento na cidade de Juazeiro do Norte; com previsão de ser inaugurada de acordo com o governador do estado, Camilo Santana, no mês de dezembro com um jogo inaugural.
O governador ainda destacou, ainda, que a Arena do Romeirão, quando inaugurada, será um importante equipamento para o futebol cearense e brasileiro. “Nós vamos ter mais opção, que será o de Juazeiro do Norte, para poder receber jogos nacionais em um estádio de grande porte que vai ter autorização da CBF”. destacou Camilo Santana. Com as obras finalizadas, o estádio será um dos mais modernos do interior brasileiro, tendo capacidade para 17 mil pessoas. (Com informações Ascom Sejuv)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *