Buggy é tradição e completa destino turístico do Ceará

Ceará conta com mais de dois mil bugueiros cadastrados para ofertar o serviço que gera movimentação de cerca de R$ 300 milhões anuais para o estado. O litoral cearense, com seus quase 600 km de extensão, é um destino bastante procurado por turistas de todo o mundo que buscam o turismo de sol e praia. Dentro desse segmento, o buggy como meio de transporte para realização de passeio nas dunas e praias exerce parte relevante na atividade turística, contribuindo para a economia local.

Cerca de 2.000 motoristas profissionais utilizam o passeio como meio de sobrevivência, realizando uma média de 20 viagens por mês, com dois passageiros cada, o que dá um total de 960.000 turistas por ano.
Dirk Wittenborg, presidente da Fyber, principal fabricante de buggy no Nordeste, chama atenção para o papel do passeio de buggy na cadeia produtiva turística. “É preciso voltar a atenção para a importância econômica dos bugueiros. Além de proporcionar a experiência dos passeios, eles ainda divulgam o turismo, mostrando as belezas naturais da região, e movimentam a economia local quando levam o turista a restaurantes e a comércios”, ressalta.

A atividade está presente em praias nos municípios de Amontada, Aracati, Beberibe, Cascavel, Caucaia, Jijoca de Jericoacoara, Paracuru, Paraipaba, São Gonçalo do Amarante, Trairi, entre outros. Segundo pesquisa do Ministério do Turismo, dos 10 destinos brasileiros mais buscados pelos turistas, 06 estão em cidades litorâneas, locais onde os passeios de buggy se destacam.

Referência no setor, a empresa está construindo uma fábrica em Paracuru, com operação prevista para iniciar em agosto deste ano. Segundo o presidente da companhia, a construção da fábrica abrirá novas possibilidades para desenvolver ainda mais o turismo.

Fonte: https://oestadoce.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *